Homem é morto a tiros na porta de casa, na Escola Agrícola

22/04/2019 09:10:00
De acordo com a Polícia Militar, ele teria recebido quatro disparos na cabeça

Um homem foi morto na porta de casa na madrugada desta segunda-feira, 22. Roberio Cesar Siqueira de Araujo, de 44 anos, era natural de Serra Talhada, no Pernambuco, e morava com a mãe na rua Maria Balbina Zimmermann, no bairro Escola Agrícola.

A Polícia Militar foi até o local por volta de 1h30 e encontrou ele caído com tiros na região da cabeça. O Samu foi acionado para atestar o óbito da vítima.

Um vizinho relatou que quatro homens armados chegaram perguntando pelo filho dele, que não estava em casa. Eles vasculharam o imóvel, porém logo perceberam outra casa aos fundos. Eles foram até o local e chamaram por “paulista”.

Quando Roberio abriu a porta, foi alvejado por diversos disparos. Os homens fugiram logo depois. De acordo com o Instituto Médico Legal, ele estava com ao menos quatro perfurações de arma de fogo, além de terem encontrado outros três tiros que atingiram a parede. Eles acreditam que um revólver tenha sido utilizado no crime.

13º homicídio

Esta é a 13ª morte violenta de Blumenau apenas em 2019. Nesta semana, foram três homicídios registrados pela Polícia Militar da cidade. Na quarta-feira, 17, Douglas Jandrey Fernandes, de 21 anos, foi morto no Centro. Ele estava em liberdade provisória há poucos dias e possuía cerca de 20 boletins de ocorrência no seu nome.

Na tarde deste sábado, 20, Um homem morreu após ser baleado dentro de um veículo, no bairro Progresso. Cayo Alexander Antunes, de 25 anos, também possuía 19 boletins de ocorrência e estava em liberdade desde novembro do ano passado.

Correção

Até as 8h20 desta segunda, a notícia informava que Roberio seria natural de São Paulo. Ele nasceu em Serra Talhada, no Pernambuco. Porém, os documentos são do estado paulista pois ele já morou lá. O texto acima já foi atualizado.

Fonte: O Municipio Blumenau

Imagens


  • Autor: ilustrativa

  • Autor: reprodução